A vida é facho de uma arquitetura
milênios de edificação do suspense
bordando vazios no recosto do assento.
Guardada chuva obsoleta
na decoração da sala
seu objeto esquecido.
Não são gestos
que avisam da trajetória
mas as fendas no peitoril da janela
o limite de cada superfície
o mistério que se esconde
sob este luar invertido em pleno dia.
Não basta saber o que sei
e olhar o que olho
e tocar o que nem sempre posso
recalcitrante desejo
de espessura oculta
e que no entanto engendra
este sonho maior, fugidio –
vigília, fundação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s