Um comentário sobre “Segunda-feira

  1. ramonvareladiaz disse:

    lembro da primeira vez que li w.h. auden e me incomodava com sua sentença, famosa e imperativa “a poesia não faz nada acontecer”… do alto da minha impaciente e bela juventude, cerrei os punhos, “como assim?!”… passado o tempo, revisitado (mais ainda) o tempo, ainda incomoda mas hoje me calo, não cerro mais o punhos, acho engraçado essas polarizações (politicas, filosoficas, esteticas) as quais nos apegamos de tempos em tempos… nunca a poesia foi tão solitária e tão necessária, talvez porque seja infinitamente mais arduo construir num terreno onde nada é intacto…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s