Neste momento em que alguma paz – alguma – é possível, a palavra sustenta o imponderável. Escrever conduzida por um estado de espírito, de criar; ver o mundo, o outro. Brotam letras como que em árvores imaginadas, que vejo como as formas deste mundo que suponho; toco as sentenças nas folhas, musicais. Mas é preciso ainda apurar o ouvido, na postura frágil de um feto a se inaugurar, e olhar o que se acerca, como um modo de ser, que é todo o modo como se encaminha uma vida – a brotar. Se se tenta sondar demais e perfazer os itinerários todos desta solidão, também um mundo, um muro se levanta contra nós. Mas por nós. Vive-se, desde então, contraditado, buscando-se na síntese dialética, na fuga, mas como? Ser um indivíduo que interroga Deus. Quem sustenta a finíssima luz, luz de infância e quintal, das primeiras horas frente a um sagrado, sol de sonho fausto, e tantas alusões? Aluvião de belezas; é a promessa deste instante, aliás, é o instante, em que algo da imortalidade me alcança ou, profundamente humana, ganho ancestralidade de mãe, da própria natureza. Quem me reitera neste estágio precário quanto insólito, é ainda a dúvida. A dúvida de sua permanência, esperança resistindo, o desiludido que se desmascara, grande sonhador. Formas da surpresa que são formas da morte, o mistério maior – sem formas. Neste momento, que é por inteiro um morrer, um dar-me à morte, amar o vazio. Locupletada de ausência, até me tornar uma espécie de arquétipo; não, apenas tornar-me, e esvaziar-me. Até ser senão a sombra desta árvore sonhada de palavras; investir contra o galho, supor a raiz. Mas as mãos param, para não ferir, porque se chegou fundo e se canta: “O teu nome revelo no silêncio do sono, que tudo abre, com espanto; nódoa sobre a roupa de batismo, pele ou gruta”. Adentro. Sou o momento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s