3 comentários sobre “

  1. Acredito que em algum ponto este seu poema e um que publiquei no facebook se coincidem. Vou deixar aqui de intrometida que sou, hehe, com licença:

    Ser cego é fechar a alma
    abrir-se inteiro
    e deixar alguém cravar a estaca

    apunhalar-se nas costas
    em frente ao espelho

    [corpos sempre se entregam
    demais]

    Beijo, moça das letras melodiosas. =)

    Curtir

  2. sandriocandido disse:

    A Katyuscia já disse… Do encontro entre contrários é que surge a atração, mas não apenas a atração, algo mais, o amor.
    Beijos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s