poesia

Do tempo, espero…

Do tempo, espero
A nudez de um corpo;
Transformado em espaço,
Um rosto.

Imagens que deponham dias,
A estudada geografia
De um torso
Exausto,

Sonhando tocar
A simultânea ausência,
Região do mais etéreo encontro:
Eu, o tempo; tu, o espaço.

Povoaríamos a casa
Com a nudez das paisagens
Sem paisagens,
Coexistindo no absoluto

Silêncio destas memórias:
As palavras, sem palavras.
As mãos de colher mentiras
No dorso da história.

Puro movimento:
Percorrer o desejo;
Somos, teríamos sido
A casa, farol de doenças.

E o riso que déssemos,
Rasgaria o tempo, recuperando
O que talvez tenhamos sido:
Simples, como a morte.

Teu corpo ou tua casa
Mediriam os caminhos.
Morrer, à sombra da origem,
No teu lugar, todas as horas.

Padrão

4 comentários sobre “Do tempo, espero…

  1. Raul Macedo disse:

    Achei sensacional esse teu último poema e acho que os teus dois últimos poemas dialogam. As “mãos de abjurar os gestos” não encontram esse rosto impossível, de uma ausência presente nos dois poemas. “Sonhando(…) tocar a ausência”. Este eu vou levar para reler. Várias partes profundas, metafísicas até. Bom demais.
    Bjs.

    Curtir

  2. Sim, também senti um diálogo ou uma linha de continuidade entre os últimos dois poemas postados, assim como o Raul.

    Quando do tempo se espera que se retire toda roupagem, se desnude sua essência, se revelem os desejos, talvez seja mais simples compreender a simplicidade do morrer e do valor das lembranças e dos caminhos. De se entender as ausências, até se poder tocá-las.

    Gosto muito do exercício mental que teus poemas exigem. Ainda que as impressões possam ser diferentes em cada leitura e para cada leitor.

    Beijos, Beta.

    Curtir

  3. Puxa, não passava aqui há algum tempo e me surpreendi – de novo e sempre – com os belos poemas. Tenho pensado muito sobre o tempo, sua passagem, suas esperas, e é ótimo ler mais sobre por meio do seu olhar. Bj.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s