2 comentários sobre “sombra

  1. Uma sombra que “rosna”, “baba” “rasga”-se em vazio “coagulado”, talhado para o amor, amortalhado . um ser “sem lume”, uiva .
    Bonito poema, desconfio de que a “Canção do Lobisomem” ,do Guinga e do Aldir, possa ter o inspirado hehe..
    Beijos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s